Curso Técnico em Turismo Receptivo de Jacupiranga conquista espaço e começa a criar oportunidades na Região

  • O curso tem o tempo estimado de um ano e meio, porém os três módulos são muito dinâmicos, desenvolvendo a prática nas atividades.

Com início no segundo semestre de 2018, o curso Técnico em Turismo Receptivo da Classe Descentralizada de Jacupiranga, sede ETEC de Registro, começou suas atividades com o apoio da Prefeitura Municipal de Jacupiranga e do COMTUR. Os mesmos colaboraram com as realizações de atividades para o desenvolvimento do curso, sendo elas palestras e visitas técnicas.

As palestras ocorreram na escola onde o curso é realizado, a escola E.M.E.B. Carlos Alberto Vigneron, contando sempre com o apoio da Diretora Municipal de Educação Aparecida Gomes Guatura e o Diretor da Escola André Luis de Souza. O objetivo das palestras foi mostrar as diversas oportunidades e a necessidade de comprometimento, postura e ética na realização das atividades. Uma das palestras que ocorreu foi com a responsável pelo setor do Turismo no Município, Michele de Oliveira. Michele é formada em Técnico em Turismo Receptivo pela ETEC e sua fala teve como objetivo apresentar as perspectivas na área do Turismo, possibilitando aos alunos analisarem as oportunidades da cidade e Região. Todas a palestras contribuíram para que os estudantes desenvolvessem um olhar de desbravador na área turística.

Já as visitas técnicas, foram fundamentais para o conhecimento e análise do município de Jacupiranga, isto porque, é de extrema importância saber a história, a cultura, os locais como rios, cachoeiras e até mesmo empresas com potencial turístico. Algo de muita importância para o curso foi o estudo do Caminho do Peabiru, do qual poucas pessoas têm o conhecimento específico de sua história.

A história do Caminho do Peabiru é muito interessante e existe todo um enredo dentro dos aspectos de desenvolvimento, colaborando assim com uma realidade necessária que é o pertencimento regional e até mesmo cultural.

Com a visita técnica à empresa Ki Natural, na qual participou o senhor José Tarcísio Pereira, os alunos foram sensibilizados a esta causa, já que a mesma também contempla o município de Jacupiranga.

Outra visita técnica realizada, foi ao Hotel Morada do Sol, com o objetivo de se vivenciar os departamentos e sempre analisar os melhores procedimentos com as orientações para receber adequadamente os hospedes. O maior objetivo das visitas foi que os alunos do curso observassem a importância de suas atitudes e postura profissional em cada local envolvido.

O curso tem o tempo estimado de um ano e meio, porém os três módulos são muito dinâmicos e com isso desenvolve a prática nas atividades. Lembramos que o Turismo é promovido muito mais por parte do setor privado, considerando que a parte pública contribui com as legislações, apoio e incentivos.

No fechamento de 2018, foi realizada a Pedalada Ecológica e o curso foi apoiador do evento, ajudando na realização com assistência aos ciclistas envolvidos. A participação se deu nas inscrições e entrega dos Kit’s e no dia do evento como staffs. Esta parceria foi produtiva, pois os alunos conseguiram ver a importância de um evento e como proceder na organização.

No segundo módulo, iniciado em fevereiro deste ano, foi colocando em pauta a importância do curso para o município e região. Além de se exigir dos Técnicos em Turismo Receptivo o comprometimento ético nos eventos. Diante a isso foram chamados a serem apoiadores do Carnaval que foi realizado na cidade do curso.

No Carnaval Ecológico de Jacupiranga, a turma conseguiu desenvolver várias atividades: como um City Tour, que nada mais é do que a apresentação da história do município para os moradores, tendo a participação dos alunos nas pesquisas para realização do roteiro; o Boia Cross; a Trilha com o apoio da Pousada Olho d’água, tendo a colaboração dos alunos na realização das inscrições e apoio na própria trilha, realizada por Eliel Sobral e finalmente a Pedalada também com a participação dos estudantes na realização das inscrições e staff, além da limpeza do local, o qual foi o ponto de parada, a cachoeira do Desemboque.

Também ocorreram visitas técnicas e palestras, resultando na definições de ideias para os futuros trabalhos de conclusão de Curso. As palestras realizadas foram:

• Segurança em Eventos, com Denis Ricardo Bicas Barbosa;
• Montagem de um evento, com Suellen da Silva Nascimento;
• A importância de Agência de Viagens, com Priscila Delgado;
• O caminho do Peabiru, com o Senhor Jorge Ubirajara Proença;
• Oratória com Kleber Lemos Diretor Administrativo da Etec de Registro;

Além de muitas aulas práticas sendo feitas com a realização de montagem de mesas, dobraduras de guardanapos e até um casamento. As visitas técnicas realizadas aconteceram em diversos espaços como restaurantes, entre eles:

• Dois Chef’s com Robson de Carvalho, mostrando o desenvolvimento de cardápios e o diferencial nos pratos elaborados; e a
• Churrascaria 477 com Nilvana Ongarato de Oliveira, contando sua história e todo a criação e oportunidade.
• Câmara Municipal de Jacupiranga

Essas atividades são desenvolvidas sempre com o objetivo de se garantir um aprendizado na prática, pois como serão profissionais técnicos precisam saber como proceder em vários ambientes. Dessa forma, todo o município sai ganhando, já que eventos acontecerão e com tudo gerar o aperfeiçoamento e melhoria no setor do Turismo.


Fotos:


    Entenda por que você deve se preocupar com sua rotina de estudo

    Publicado em 17/06/2020
  • Dia a dia atribulado, com inúmeros compromissos, quem não passa por isso? Diante de tantas tarefas diárias, estabelecer uma rotina de estudos pode ser um problema. Se esse é o seu caso, não entre...

    INEP libera cartilha com critérios de correção da redação do ENEM

    Publicado em 10/06/2020
  • No dia 26 de maio, terça-feira, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) disponibilizou para o público em geral a cartilha seguida pelos avaliadores que corri...

    UFPR adia o Vestibular 2021

    Publicado em 26/05/2020
  • O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFPR (Cepe) aprovou nesta quarta (20/05) o adiamento do Processo Seletivo UFPR 2020/2021 devido às condições decorrentes da pandemia de covid-19. A nov...